sexta-feira, outubro 24, 2008

DICA TELEVISIVA

VER MAIS
Na próxima quarta-feira o programa Ver Mais, comandado pela Susan Germer na Ric Record, reunirá para um bate-papo os rostos femininos que brilharam na última campanha eleitoral. Viviane Wagenknecht, Cinthia Canziani e Marina Souza, que atuaram para DEM, PT e PV respectivamente.

BASTIDORES
Além do show de beleza e simpatia, o programa vai matar a curiosidade de muita gente que quer saber como funciona esta relação entre profissionais da comunicação e a política. Conheço muito bem a Viviane e a Cinthia e sei que elas não fizeram necessariamente por afinidade política. O que pesou foi a questão financeira.

SEM HIPOCRISIA
Tem muita gente que torce o nariz para esse tipo de coisa, mas eu não. Elas são profissionais e foram bem remuneradas para a tarefa. Não concordo com uma ou outra baixaria que pode ter acontecido, mas elas cumpriram um papel determinado. A tarefa de apresentar faz parte da profissão, mas penso que para quem quer seguir a carreira de jornalista em Blumenau, fica complicado. Seria a situação da Viviane, caso ela não tivesse outros planos para ela.

8 comentários:

Anônimo disse...

Vamos para com a hipocrisia. Estão colocando no mercado um monte de "jornalistas focas". O mercado é pequeno. Só vai sobreviver quem tiver competência. Mesmo assim, ma maioria dos casos, só com uma ajuda do "QI - Quem Indica". Por isso, defendo eleições, feiras, congressos, seminários, todos os meses. É uma forma de enfiar tantos calouros no mercado e aumentar nossa renda. E lembrando: as grandes empresas ainda acham que santo de casa não faz milagre. Contratam agências de fora a pagam verdadeiras fábulas para não aparecer.

Glayton Robert disse...

Ué, mas o tema não era "Dica televisiva"?
Aliás, pelo que as emissoras abertas têm apresentado como programação, esta dica foi a melhor que eu vi em muito tempo...

Anônimo disse...

VER MAIS
Na próxima quarta-feira o programa Ver Mais,
comandado pela Susan Germer na Ric Record,
reunirá para um bate-papo os rostos femininos que brilharam na última campanha eleitoral.
Viviane Wagenknecht, Cinthia Canziani e Marina Souza, que atuaram para DEM, PT e PV respectivamente.

BASTIDORES
Além do show de beleza e simpatia,
o programa vai matar a curiosidade de muita gente que quer saber como funciona esta relação entre profissionais da comunicação e a política.
Conheço muito bem a Viviane e a Cinthia e sei que elas não fizeram necessariamente por afinidade política. O que pesou foi a questão financeira.

SEM HIPOCRISIA
Tem muita gente que torce o nariz para esse tipo de coisa, mas eu não.
Elas são profissionais e foram bem remuneradas para a tarefa.
Não concordo com uma ou outra baixaria que pode ter acontecido, mas elas cumpriram um papel determinado.
A tarefa de apresentar faz parte da profissão, mas penso que para quem quer seguir a carreira de jornalista em Blumenau, fica complicado.
Seria a situação da Viviane, caso ela não tivesse outros planos para ela.

ARTILHEIRO disse...

Profissionais não devem se ater a afinidades, mas a oportunidades. Jogadores de futebol são um bom exemplo; nenhum joga no time do coração quando tem a oportunidade de ganhar dinheiro em outras paragens.

Serginho disse...

Bom, como eu trabalhei com duas delas, a Cinthia e a Vivi, posso dizer que são excelentes profissionais e de ótimo caráter. Pessoas assim que as "cabeças de redes" no jargão televisivo sempre sonham. Competência, honestidade e talento. Torço muito mais pelo sucesso delas do que pelos candidatos que elas representaram temporariamente. A Marina, não conheço, mas já desponta como novidade, pois mandou bem. Mas e a Carol? Faltou ela. Abraços a todas elas, meninas competentes, mulheres de brio e lutadoras!

mulher maravilha disse...

É verdade! E a Carol???
Essa sim deu um banho!!!

Quanto a Cintia, assisti sua entrevista no "olho no olho" e sinceramente me decepcionei com alguns comentários preconceituosos...

Anônimo disse...

A cintia apenas deixou transparecer a sua angustia em se criar com os DEM e ver que é diferente o discurso da prática. Meu pai me ensinou a votao neste povo, quando percebi, mudei de ideologia se é que eles tem. Depois de tudo, percebi que se apaixonar por esta gente é pura ilusão. Fazer o que, o sistema é podre, se correr o bicho pega, se ficar o bicho come. Pessoas como ela são taxadas de Petistas e coisa parecida, onde na verdade, sabem pensar por si próprio. Mas com o DEM(PFL) é assim mesmo, precisa assoviar, se não, é de esquerda, e das braba, é povinho.

mulher maravilha disse...

as declarações que me refiro não são políticas...