segunda-feira, fevereiro 23, 2009

POLÍTICA

INDEFINIÇÕES PERIGOSAS
Como estou meio azedo, preciso fazer umas ponderações sobre atitudes recentes do prefeito João Paulo. Lendo na Folha de Blumenau do final de semana a estranha situação de pelo menos 340 servidores comissionados, trabalhando sem saberem do seu futuro, fico pensando como JPK deixou chegar a esse ponto. E porque não definiu os nomes de três secretários, os de Comunicação, URB e Faema, deixando aqueles órgãos à deriva? Não teve tempo suficiente? Vale lembrar que a definição do primeiro escalão saiu apenas em fevereiro, um mês após a posse.

MÁ HORA
E agora o prefeito pegou merecidas férias de uma semana, mas no momento crucial para a vida das pessoas que estão nos abrigos. O carnaval era a data limite da transferência delas para as moradias provisórias, mas a mudança somente aconteceu em um galpão, com 46 famílias de um total de 340. Outras devem ser definidas entre hoje à tarde e amanhã. Situação que vai refletir inclusive no começo do ano letivo nas escolas que funcionam como abrigos.

COTIDIANO
Isso sem falar em problemas de complexidade menor, mas com impacto direto na vida da população como a (falta de) coleta de lixo e o (des)abastecimento de água em algumas regiões da cidade, em especial na Velha, sem necessariamente estar em topo de morro. A reclamação é constante nos veículos de comunicação. Situações que poderiam ser resolvidas ou minimizadas com priorização e pulso forte.

PASSADO
João Paulo em sua primeira campanha apresentava-se como “gerente” da cidade e foi este ritmo que buscou implantar ao longo do seu mandato. Nesse começo de segunda gestão, parece que o gerente ainda não voltou a encarnar no prefeito.

23 comentários:

Anônimo disse...

Blumenau mais forte e mais bonita. kakakaka. Piadinha sem graça essa.

Anônimo disse...

Alexandre, se nosso prefeito fosse daqui, jamais faria isto, lutaria pelo povo de sua cidade. Espero que nas próximas eleições, a imprensa ajude um pouco a cidade, que instrua o povo para ser bairrista, votando em gente de sangue blumenauense. Elegemos o DL de longe, agora o JPK, são quantos anos sem um prefeito nato, talvez explique melhor a decadência da cidade. É preciso pensar muito bem em nossos votos, e vocês da imprensa podem ajudar, na minha opinião devem começar agora.

Anônimo disse...

Meu sentimento é de decepção. Estou arrependido do meu voto, a situação é de imobilismo, de falta de comando. A cidade está parada, feia e o rei está nú e não sabe.

Anônimo disse...

É só procurar na praia da Daniela e nos shopings de Floripa.

Anônimo disse...

Que falta de respeito. Nosso prefeito está trabalhando muito por nossa cidade, aliás, nenhum prefeito na história de Blumenau trabalhou tanto e tem direito de descansar. Ou vocês acham que o Renato Vianna e o Décio Lima, que não fizeram nada por Blumenau, também não tiravam férias.

ARTILHEIRO disse...

O prefeito se retirou para meditar sobre a distribuição dos 24 cargos comissionados que criou e MANDOU os submissos vereadores aprovarem (manda quem pode, obedece quem tem juízo). É difícil acomodar o rescaldo de conchavos políticos; difícil não é, mas requer competência. Satisfação para a população? Esqueçamos! Afinal são só R$948.000,00!

Anônimo disse...

Vocês relamam de alguem da cidade para ser prefeito. Mas não há UM SÓ QUE SE APROVEITE. Da geração que aí está só tem MEDIOCRES. O povo daki não tem um líder não tem nem uma sombre disso. Seus representantes continuarão sendo de fora mesmo. FALTA COMPETENCIA NO QUINTAL

Anônimo disse...

Este tal de ARTILHEIRO deve ser um doente mental, recalcado com mania de inferioridade, vai se tratar o rapaz....

Anônimo disse...

O prefeito ainda não assumiu a sua cadeira, abandonou a cidade. Estou arrependido, e muito, porque acreditei na sua campanha, no Zé do Muro, na encenação que ocorreu durante a sua campanha....

Anônimo disse...

na hora de votar nimguem pensou,como huove falsidade nas eleiçaes(populaçao),ha tb na politica estao recebendo na mesma moeda,afinal eu andava na populaçao entre pobre e ricos e ninguem diria que ele ganharia e ganhou!pois entao,vcs e inclusive eu juntos iremos sofrer por 4 anos.
espero que nas proximas eleiçoes pense e se lembre marquem o que cada um faz e fara e votem sem ilusoes.

Anônimo disse...

Para quem tem o Yotube e na pesquisa colocar "campanha política de João Paulo Kleinubing", pode até refrescar a memória de sua campanha.... Arrependido, decepcionado estou!

Anônimo disse...

Existe um ditado que diz :
- Este cara trocado por merda, o dono da merda perde dinheiro.
Nosso prefeito...nem temos como trocar, só esperar.
To de acordo, precisamos de gente daki, nem que seja MERDA,mas daki.

Laíse disse...

Agora há de se colher o que se plantou!! Ou vocês acham que se plantando erva daninha se colhe rosas???? Da próxima vez pensem por si não como marionetes,o que acho bem difícil!!!

Anônimo disse...

Na verdade, não há o que fazer agora, venceram com maioria e temos que aceitar. Aceitar a té mesmo a câmara de vereadores se achando maioria, enquanto o federal é contra. BLumenau novamente contra tudo e contra todos, dsprezam os vereadores da esquerda, e fazem com muita burrisse, pois a verba federal passa pela mão da Ideli e a caneta de quem comanda. É preciso inteligencia na política, e os vereadores da maioria em Blumenau se achando com o Rei na barriga, coitados, submissos de oligarquias centenárias do estado e do país, pra num falar coronelada. Toma, Toma, Toma Blumenau.

Anônimo disse...

O eleitor tem a titularidade universal e intransferível do voto, é dele o direito de eleger e o dever de fazê-lo com responsabilidade. A salada partidária que via-se nos lados mais fortes e substanciais da eleição de 2008 ensejavam a sua inevitável consequência, disputas acirradas por espaços na Prefeitura. O instituto do 2º turno Eleitoral dava a oportunidade de nós todos confrontarmos com maior compromisso os dois postulantes que vencessem o primeiro turno, fomos pobres de pensamento, de fé e de convicção de que temos o direito de termos mais garantias na condução da coisa pública, preferimos decidir de imediato e sem pestanejar. Aos que apregoam não termos lideranças que podem assumir uma candidatura substancial, eu peço atenção, de que somente após elegermos pessoas e estas administrarem ou legislarem poderemos avaliar seus mandatos, mas a grande maioria do eleitorado sequer lembra em quem votou em 2006, e ousaria dizer que muitos nem lembram que vereador deu seu voto ano passado...A crise democrática está em nós eleitores, que nos vislumbramos com tropas arregimentadas de cabos eleitorais, visual lindo e colorido nas propagandas (quem não chorou ao ver a linda criança falando do seu pai)e as gigantescas caminhadas de pessoas que agora viraram do lado vencedor mais comissionados pagos pelo nosso suado dinheiro, mas ninguém obrigou-nos a isso, o prefeito "não tomou de assalto" as urnas e encheu de votos para si. Também setores da opinião pública, por não saberem que caminhos poderia dar a eleição de 2008 ficaram omissos e acima de tudo recuaram (não estou dizendo em tomar lado e sim apenas fazer a reflexão anterior ao eleitor)...o papel de cidadania deveria ser feito desde o dia 1º de janeiro deste ano pelos formadores de opinião, levando de forma imparcial e crítica há quantas anda a legislatura eleita e as ações do Paço Municipal, e abordar de forma abrangente para que o eleitor médio saiba que sim Blumenau tem opções...só darem os espaços necessários! 2010 está chegando!!!

Anônimo disse...

Com certeza, colocacações inteligentes é o que precisamos, não sou nehum didático, mas enxergo longe e penso muito sobre o fututo, aliás, planejo muito bem. A visão geral de quem presta atenção é de que eles fazem uma má gestão de tudo, leis, grana, comando, mas nas eleições , isso é abafado e as campanhas tomam conta do coração do povo. Na medida do possível, tento orientar os meus, mas até eles se deixam levar pelas propagandas. A sociedade é enganada por propagandas, certa parte da imprensa e cabos eleitorais maus ontencionados. Como podemos votar em pessoas que deixam as coisas como estão ai? Sem educação, saúde, segurança estradas. Isto tudo prova que são na verdade inconpetentes, não passariam em nenhum concurso na iniciativa privada, e nós colocamos na administração de uma cidade, estado e um país. Precisamos eleger pessoas compromissadas com a região em primeiro lugar, inteligentes, políticas e não politiqueiras e tentar saber quem está por traz de tudo. Voto por muitos anos e não se cheg a nada, a política não evolui, bem como tudo que elea controla. Tá na hora de Blumenau se reerguer e mostrar que por aqui tem gente que pensa, chegar de sermos capachos do coronelismo, que hje toma conta por exemplo da câmara de vereadores de Blumenau, que ainda se acha na maioria, coitados.

Anônimo disse...

o João PinóKio enganou o povo!!!!

Anônimo disse...

aqui só tem Petista...eitaa raça...

Anônimo disse...

Continue achando que todos que pensam são petistas, parabens. Nas próximas eleições vote no Serra e na turma do DEM=PFL não esqueça, eles são o máximo, compram até castelos, administram os pedágios de SP e por ai vai, ah, lembre dos escândalos do FHC(45 parece-me). Olha amigo, não sou Petista e não voto em forsateiros, por exemplo, os do mensalão, os prefeitos que Blumenau elege......apenas analiso as coisas e não sou cego. Pena que no confronto de ideias, a turma do PT e do DEM degladeia-se ao invez de pensar. Mas, o voto é individual, faço o que quero com o meu.

Anônimo disse...

Todos tem direito a ferias,mas será que esse era o momento?poderia pelo menos resolver o pepino na administraçãocom a definição dos cargos e dos desabrigados

Anônimo disse...

pra quem lembra o que foi feito com o color podemos fazer iqual, os blumenauenses tem força estamos rconstruindo a cidade sozinhos,quantos de vcs pagaram maquinas ou mesmo fizeram sozinhos a reconstruçoes das suas casas,somos mas forte independente de partido.por isso merecemos mais, vamos lutar por isso.Acordem!!!
OS desabrigados necessitam de condiçoes pra viver,fui pra curitiba e la tem varios blocos abtacional feito pelo governo sobre um valor irrisorio,porque nao fizemos igual aqui,melhor do que casa.

Anônimo disse...

há quem viu a reportagem de sao paulo sobre a merenda escolar, sera que nao e mesma mafia que esta aqui, pois quando vi a reportagem pensei que era aqui em blumenau.ta na hora do ministerio publico olhar pra isso.

Anônimo disse...

E quem é que vai pagar as contas deste "voluntarios" no fim do mes, o JPK?