segunda-feira, outubro 13, 2008

SAMU

TEASER
De novo o Samu é destaque no noticiário. Pelo lado negativo.

O FATO
Hoje por volta das 10h30 recebemos na Ric Record um telefonema de uma professora da Escola Felipe Schmidt, na Itoupavazinha. Ela dizia que tinha uma funcionária da escola passando mal e que o Samu não estava querendo atender. O atendente da equipe de emergência fazia questão de falar com a paciente, que não tinha condições de chegar ao telefone.

A AGRESSÃO
Nossa equipe de reportagem – o repórter Henrique Zanotto e o cinegrafista Emanoel Dionísio – chegaram antes do Samu e começaram a fazer seu trabalho. Mostraram o sofrimento da paciente e a agonia de quem tentava ajudá-la. Nisso chegou o atendimento de emergência. Um dos atendentes, quando viu que estava sendo filmado, partiu para cima do Emanoel. Deu um safanão nele e na câmera, danificando o equipamento. Em seguida bateu boca com as pessoas que estava ali, bastante alterado.

CASO DE POLÍCIA
Por parte da emissora o caso será resolvido na esfera policial, pois o nosso cinegrafista foi orientado a registrar boletim de ocorrência na Central de Polícia. Agora fico pensando a situação de quem precisa de atendimento e das pessoas que tentam ajudar. A quem elas podem recorrer? E como pode uma pessoa destas, despreparada e destemperada, prestar socorro a alguém?

RESPOSTA
O espaço está aberto para o Samu ou para a assessoria de imprensa da Secretaria de Desenvolvimento Regional se pronunciar. A pergunta é clara. Concordam com o que aconteceu neste episódio?

24 comentários:

Anônimo disse...

esse é o estado da nossa saúde no Brasil... parabéns ao SAMU!!!

Jefferson.L disse...

nossa mãe ...

Jefferson.L disse...

a coisa tá feia mesmo!

Anônimo disse...

Mas e o fato de NÃO TER MÉDICO NO POSTINHO AO LADO, ninguem comente...porque no Pais das Maravilhas de JPkakalhada isso é factóide para enganar o eleitor engomadinho e encastelado dos DEMOS

Anônimo disse...

Ué Alexandre... e o lance do Posto de Saúde... não vais falar? Ou não ter médico ali ou nos outros faz parte da rotina, mesmo? Ou é algum motivo obscuro, o digamos, passar cheque em branco à JPK???

Anônimo disse...

Parabéns essas pessoas que lembraram do posto de saúde...
Vamos esperar que saia um comentário quanto ao posto ao lado da escola e esperar que passem essa informação também no noticiário. Porque até então era apenas elogios para o JPK. Era tudo mentira do pessoal que fez campanha para o Décio Lima o problema da saúde.
Isso será ótimo para a população que gosta da atual administração ter percepção do que realmente acontece nessa cidade.
Ainda bem que o povo soube votar... agora está tendo o que merece...
Fico com pena da pessoa que estava precisando de atendimento, e dos que foram agredido (se é que de fato foram mesmo)...
Mas lanço ai uma pergunta, isso não aconteceu na época de campnha do JPK? Porque pararam de mostrar no jornal os problemas de saúde na época das eleições?

Anônimo disse...

É, caro leitor...ficamos com um prejuízo de 4 anos aí. Estagnação. greves, e festas. Ficamos eu, você e outros 27% que estavam de verdade preocupados com a cidade de mãos atadas e amordaçados. Agora vamos ficar com uma abelha dentro da cabeça 4 anos...já comprei meu pote de mel. E você?

Anônimo disse...

"Ficamos eu, você e outros 27% que estavam de verdade preocupados com a cidade de mãos atadas e amordaçados"

Tradução: "eu e os outros 27% somos inteligentes e visionários, e os 63% restantes são burros, cegos e ignorantes".

Realmente é uma ótima percepção...

... disse...

Concordo com a precariedade do serviço do SAMU, acho lamentável a população ter que passar por esse constrangimento da espera. De qualquer modo, não deixo de concordar quanto ao atendimento do posto de saúde. Por que esses professores não tiveram iniciativa de levar essa pessoa no posto de saúde? Ficaram com medo de deixar essa pessoa morrer como aquele Sr. que faleceu esperando atendimento no bairro da Velha? Nunca fiquei tão feliz com uma notícia dessa. Que o SAMU demore mesmo... e os postos de saúde dêem conta do recado. Afinal o povo quis assim.

Anônimo disse...

Se lhe serviu o chapéu, parabéns, não esqueça de fazer buracos nele para pasarem suas ORELHAS.

Anônimo disse...

*passarem

Xnet disse...

Blumenau cada dia mais FORTE!!

Ué escolas publicas não tem convenio com a UNIMED ??

Até um tempo atraz tinha...

Anônimo disse...

Xnet...
Vc não sabe... essa situação de UNIMED era coisa da administração horrível do Décio Lima... agora tem que chamar o SAMU mesmo... ?
Ah... postinho descente tbm é na época da administração horrível do Décio...?
Veja bem... isso que dá fazer campanha camuflada para o JPK kkkkkkkkk
Muito bom...
Defenderam a saúde em Blumenau, tiveram o que merecem.

Anônimo disse...

pq tu não fala tambem Alexandre que o Samu foi acionado por que no posto de saude ao lado não havia medico. Tais querendo esconder o que?

Anônimo disse...

Alguem tem idéia de quanto se arrecada em INSS em Blumenau???
Eu não sei; mas se uma pequena parte ficasse aqui para a saúde teriamos os melhores hospitais e atendimento, vcs não acham?

Anônimo disse...

Meu... INSS nao tem nada a ver com o SUS...
Discutir administração publica sem entender nada do assunto é fácil.

Anônimo disse...

Uma pergunta pra onde vão os recursos do INSS??
Nada é repassado a saúde pública?
É só pra sustentar os corruptos??
Acho que quem não entende de SUS e INSS é alguem um pouquinho mais burrinho!
Além disso o comentario do outro não é totalmente tão infeliz.

Azulzinho disse...

é Verdade onde estavam os Medicos do postinho de saude ao lado da escola ?

Será que eles abriram um negocio no parque vila germanica ?

Por que tudo que é lá dá resultado...

Anônimo disse...

Cadê a isenção na produção da notícia?

Não precisamos muito para enxergar o quanto é tendencioso um jornalista no exercício de sua profissão. Querendo ou não, este ser normal, vai para campo cumprir sua tarefa já preconizado. Neste caso Samu, por exemplo, o blogueiro abre seu informe com os seguintes dizeres: “De novo o Samu é destaque no noticiário. Pelo lado negativo”. Ou seja, em sua cabeça já está firme a imagem que o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência presta um serviço ruim a comunidade.

O que mais chama a atenção é que existe em Blumenau um veículo de comunicação que está sempre a bater no Samu. Detalhe, sempre o mesmo repórter, cinegrafista e apresentador choramingando.... Sei que vão dizer: “estamos atendendo os fracos e dando voz aos menos favorecidos e injustiçados”...

Na verdade, tenho a sensação que o profissional de comunicação utiliza, em certos momentos, a carapuça e bandeira de “interesse publico” para invadir, intimidar, e ultrapassar certos limites. O jornalista tem o direito de apontar, gritando a todos os cantos do mundo o que ele considera notícia. Porém, convenhamos, não há a necessidade de “colocar na tela” a imagem de pessoa alguma sem autorização previa. Salvo casos específicos, onde se comprove o erro de tal pessoa. Acontece que, no “caso Samu”, a decisão de ir para o local ou não fica distante da racionalidade dos socorristas que vão para rua.

Sou contra agressão. Entretanto, fico pensando qual seria minha reação de chegar em uma comunidade, já revoltada por uma motivo que não fui eu que provoquei, e me deparo com uma dupla armada de microfone e câmera que só pelo fato de estar ali já estão intimidando. Pior ainda, forçando uma barra para filmar minha cara e jogar na tela.... depois um apresentador chinfrim dizendo... “o profissional do Samu, isso é um, absurdo. A comunidade tem que ficar revoltada mesmo, etc, etc. etc...”...

Bom é isso...

Anônimo disse...

Pois é... pensei que ontem haveria algum comentário na TV sobre o posto, mas pelo visto nada.
Ai fiquei sem entender o motivo desse blog de um jornalista da emissora...
Não seria proveitoso relatar alguns fatos aqui mencionado na rede de televisão, visto que nem todos tem acesso?
Por qual motivo existe o interesse de abrir um site para discutir notícias se elas não são levadas ao encontro da comunidade?
Poxa... eu tinha maior credibilida da record... mas infelizmente vejo que está perdendo para a RBS.

Anônimo disse...

Não é relatado por um único motivo... não ofender a atual administração pública municipal...

Anônimo disse...

Fico estarrecida com comentários tão maldosos a respeito do caso que estão culpando o jpk nesse assunto que a meu ver não tem nada a ver, pois o fato é que sou professora na EBM Felipp Schimidt e não concordo quando dizem se os "Professores" não lembraram do posto ao lado da escola, porque somente uma professora estava presente no fato ocorrido e foi a mesma que teve a "brilhante idéia" de chamar a Tv, pois ela mesma nem lembrou que ao lado da escola existia um posto de saúde e foi logo ligando para denúnciar o caso que convenhamos era para se aparecer e de acordo com os comentários dentro da escola foi tudo armação,porque a paciente uma hora depois estava em casa e bem, no entanto, sabemos que o SAMU realmente está deixando de atender as chamadas fato esse que eu mesmo precisei dele no começo do ano(janeiro) que disseram que estavam a caminho e até agora(outubro) não encontraram o endereçoç da minha casa. É preciso sim que a comunidade começe a cobrar a responsabilidade do SAMU em atender os casos sem precisar malhar o pau ou até mesmo faltar com respeito com o JPK que nem tudo é culpa dele e sim do povo que cobra errado.

Anônimo disse...

Toda essa armação foi calculada ou meditada que daria tanto pano para manga, mas será que não era isso mesmo que a professora PT queria que acontecesse??? Que tdos ficassem debochando do JPK, já que estão decepcionados ou despeitados com o resultado da eleição??Cá pra nós que surra hem? 63% contra o que mesmo???nem lembro!

Teles disse...

63% (de três grandes partidos) que é igual a 21% para cada um, contra 27% para apenas um.
Independente de nº, eles não justicam o trabalho.
Se fosse 63% pelo trabalho que o governo JPK fez td bem, mas é 63% de compra de voto.
Quero ver a todos esses que fizeram campanha se vai ter vaga pra todos... kkkkkkkkkkkk
Se tiver vaga, continuará a população sem recursos.
Sabe o que acontece nos postos de saúde no bairro Progresso?
O meu vizinho foi até lá, para ser medicado por problema de pressão alta e as enfermeiras disseram: "o Sr. vai pra casa e faz um SUCO DE chuchu". Isso aconteceu na última semana das eleições, e meu vizinho foi para casa e tirou a plaquinha da frente da casa dele, na qual ele teria ganho R$ 200,00 para colocar.
Por essa razão, Sr. Anônimo que me leva a crer que vc não deveria ficar orgulhoso do 63%